Considerada uma das melhores cachaças do Brasil, a artesanal cachaça Vale Verde é produzida no alambique do Parque Ecológico, localizado em Betim, a 42 km da capital. No local, considerado um dos melhores empreendimentos turísticos para se visitar no entorno de Belo Horizonte, o visitante pode acompanhar de perto todo o processo de produção da cachaça, desde a colheita até o momento de engarrafar a bebida.
A Vale Verde foi premiada pela terceira vez consecutiva, na Revista Playboy de 2011 como a melhor cachaça extra premium do Brasil, e pelo Prêmio Cachaça Masters 2010, da revista inglesa The Spirit Business, sendo medalhista de ouro nas categorias envelhecida, com a Vale Verde Extra Premium, e não envelhecida, com a Minha Deusa. Além disso a Vale Verde conta aindo com os produtos: Licor do Mestre, Gelatina de Cachaça, Vale Verde Edição Presente e vale Verde 12 Anos. PARA CONHECER MAIS SOBRE OS NOSSO PRODUTOS VISITE O NOSSO SITE.


Visite nosso site: www.cachacavaleverde.com.br

SEGUNDA, 01 DE SETEMBRO DE 2014

O mistério do Licor do Mestre

A história do licor envolve muitas lendas e fantasias. Alguns contam que os licores eram poções mágicas, outros relatam que essa mistura foi desenvolvida por alquimistas que buscavam sabores e aromas de flores, frutos e sementes. Os contos sobre a criação dessa bebida são tantos que hoje resolvermos desvendar apenas um, a história do Licor do Mestre, que também envolve alguns segredos. 
 
O mistério do Licor do Mestre começa pelo seu sabor, a bebida é uma mistura de sete ervas finas, cujos nomes são guardados a sete chaves pelo fundador do alambique Vale Verde, Luiz Otávio Pôssas Gonçalves. O famoso extrato com sabor adociacado e original compõem a bebida e surpreende quem experimenta. O Licor nasceu em 2004 e ainda hoje a receita é um segredo, compartilhada apenas entre o fundador do Vale Verde e um produtor do Licor. 
 
O nome Licor do Mestre é uma referência ao espaço do Vale Verde Parque Ecológico com mesmo nome. A ideia surgiu com uma brincadeira lúdica entre Luiz Otávio e seus netos, quando ele se passava por um mestre que trazia bons conselhos e elaborava alguns truques. O mistério da mágia e os segredos do creme de ervas do Licor ganharam o mesmo nome.
 
O pequeno senhor desenhado na garrada do licor representa uma estátua que é exatamente como Luiz Otávio imaginava ser o mestre que orientava seus netos. Assim como o espaço do parque, o Licor traz boas vibraçoes e um mistério que irá lhe deixar curioso.
 
É a hora de seguir esse mestre, saborei esse licor exclusivo e descubra que o grande segredo do sábio das bebidas deve ser apreciado. Você vai se vislumbrar com o Licor do Mestre.
 

 
©2012 CACHAÇA VALE VERDE. Todos os direitos reservados.